segunda-feira, 12 de setembro de 2016

A Diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais de União dos Palmares - SINTPMUP convoca todos os servidores do quadro efetivo da Secretaria Municipal de Saúde para realizar uma paralisação de advertência, como forma de demonstrar insatisfação de toda categoria em face da negativa da Gestão Municipal em efetuar o pagamento do salário referente ao mês agosto/2016.

Dia: 13/09/2016
Horário: 13 horas
Local: Secretaria Municipal de Saúde


SALÁRIO EM DIA É UM DIREITO DO TRABALHADOR!!!


terça-feira, 6 de setembro de 2016

Greve dos bancários fecha agências no país nesta terça-feira

Categoria rejeitou proposta de reajuste salarial de 6,5% da Fenaban.
Sindicatos pedem reposição da inflação mais 5% de aumento real.


Do G1, em São Paulo
Agência na avenida Araucárias, em Águas Claras, amanhece com cartazes indicando greve dos bancários,iniciada nesta terça-feira (6) (Foto: Lucas Nanini/G1)
Bancários de todo o país devem entrar em greve a partir desta terça-feira (6) por tempo indeterminado, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf). A paralisação foi aprovada em assembleia na última quinta-feira (1º). No início do dia, pelo menos nove estados e o Distrito Federal tinham agências fechadas.


Veja a situação em cada estado e no DF


Alagoas
Apesar de começar oficialmente nesta terça, a greve dos bancários já gerava transtornos para os usuários de Maceió desde à tarde da véspera, quando se formaram filas nas salas de atendimento de algumas agências por causa da falta de dinheiro nos caixas eletrônicos.

Goiás
De acordo com o Sindicato dos Bancários do Estado de Goiás, 60% das agências de bancos públicos e privados em Goiânia e no interior estarão com o atendimento suspenso.

Segundo o presidente do sindicato, Sérgio Luiz da Costa, vários serviços serão afetados pela greve. “A expectativa é que o primeiro dia de greve já comece com uma movimentação bem forte. Estarão suspensos os serviços que os clientes utilizam dentro das agências, relacionados ao FGTS, seguro desemprego, contratos, revalidação de senha de cartão, abertura de contas, vendas de produtos, entre outros”, afirmou.
Espírito Santo
Os bancários do Espírito Santo também decidiram entrar em greve. O Sindibancários foi procurado pelo G1, mas, por enquanto, não soube informar quantas agências aderiram à paralisação. Um levantamento será feito ao longo da manhã, e a expectativa é que o número seja divulgado ao meio-dia.

Distrito Federal
Por causa da paralisação nacional, agências amanheceram com cartazes afixados indicando a mobilização, que vai reduzir os serviços nas agências. A categoria reivindica aumento de 15% (sendo que 10% são para cobrir perdas com inflação e 5% representariam aumento real).

Pela estimativa do Sindicato dos Bancários de Brasília, existem cerca de 600 unidades de atendimento em todo o DF, onde trabalham 30 mil bancários. Até as 7h16, o sindicato não estimou quantas agências foram fechadas nem o número de trabalhadores que aderiram à paralisação. O piso da categoria é de R$ 1,9 mil.
Pará
Em toda Região Metropolitana de Belém, na porta das agências bancárias o aviso anunciava que não haveria expediente. A última paralisação dos bancários ocorreu em outubro de 2015 e teve duração de 21 dias, com agências de bancos públicos e privados fechadas em todo o Brasil.

Paraíba
Os bancários da Paraíba iniciam nesta terça-feira (6) uma greve geral por tempo indeterminado. Com a paralisação, os serviços bancários oferecidos pelas agências passam a funcionar com apenas 30% da capacidade. A decisão pela greve foi feita em assembleia específica, realizada na noite de quinta-feira (1º), na sede do Sindicato do Bancários da Paraíba, em João Pessoa.

Paraná


Rio Grande do Norte
Bancários do Rio Grande do Norte aderiram à paralisação nacional da categoria e decidiram entrar em greve nesta terça-feira (6).

Santa Catarina
Funcionários da Grande Florianópolis se reunirão nesta manhã, diante do Banco do Brasil, em frente à Praça XV, no centro da capital, para deliberar as ações do início da greve da categoria nos 23 municípios da região. Segundo o sindicato da região, municípios do Sul catarinense devem entrar em greve na quinta-feira (8).

São Paulo
Agências bancárias de Sorocaba e região também aderiram à paralisação nacional. Segundo o presidente do sindicato da categoria, Júlio Camargo, a greve fechar 300 agências em 40 municípios da região.

Reivindicações
A categoria rejeitou a proposta da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) de reajuste de 6,5%  sobre os salários, a PLR e os auxílios refeição, alimentação, creche, e abono de R$ 3 mil. Os sindicatos alegam que a oferta ficou abaixo da inflação projetada em 9,57% para agosto deste ano e representa perdas de 2,8% para o bolso de cada bancário.

Os bancários querem reposição da inflação do período mais 5% de aumento real, valorização do piso salarial, no valor do salário mínimo calculado pelo Dieese (R$ 3.940,24 em junho), PLR de três salários mais R$ 8.317,90, além de outras reivindicações, como melhores condições de trabalho.
Segundo a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban, o braço sindical dos bancos), a proposta representa um aumento, na remuneração, de 15% para os empregados com salário de R$ 2,7 mil, por exemplo. Para quem ganha R$ 4 mil, o aumento de remuneração será de 12,3%; e, para salários de R$ 5 mil, equivale a 11,1%. O piso salarial para a função de caixa, com o reajuste, passaria a R$ 2.842,96, por jornada de 6 horas/dia.
"É importante ressaltar que as soluções encontradas na mesa de negociação variam conforme a conjuntura econômica e que a proposta apresentada neste ano responde a condições específicas pela qual passa a economia brasileira", diz a entidade.
Atendimento
Em nota, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) lembra que os clientes podem utilizar os caixas eletrônicos para agendamento e pagamento de contas (desde que não vencidas), saques, depósitos, emissão de folhas de cheques, transferências e saques de benefícios sociais.

Nos correspondentes bancários (postos dos Correios, casas lotéricas e supermercados), é possível também pagar contas e faturas de concessionárias de serviços públicos, sacar dinheiro e benefícios e fazer depósitos, entre outros serviços.
Greve passada
A última paralisação dos bancários ocorreu em outubro do ano passado e teve duração de 21 dias, com agências de bancos públicos e privados fechadas em 24 estados e do Distrito Federal. Na ocasião, a Fenaban propôs reajuste de 10%, em resposta à reivindicação de 16% da categoria.

Matéria extraída de: http://g1.globo.com/economia/noticia/2016/09/greve-dos-bancarios-fecha-agencias-no-pais-nesta-terca-feira.html

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Governo prorroga prazo para sacar PIS/Pasep até 31 de dezembro

Prazo para sacar abono (ano-base 2014) terminaria nesta quarta-feira.
Benefício equivale ao valor de um salário mínimo; veja se tem direito.

Do G1, em São Paulo

Prazo para sacar o abonoi salarial já tinha sido prorrogado e agora vai até o final do ano(Foto: Marcos Santos/USP Imagens)

O governo decidiu ampliar até o dia 31 de dezembro o prazo de saque do abono salarial (ano-base 2014) PIS/Pasep. O primeiro prazo havia vencido em 30 de junho, e já havia sido prorrogado para terminar nesta quarta-feira (31).
Segundo o Ministério do Trabalho, são quase um milhão de trabalhadores que ainda não sacaram o benefício de um salário mínimo a que têm direito.
“Fizemos uma intensa campanha na mídia e junto às entidades laborais e patronais e, até esta data, foram pelo menos 200 mil trabalhadores que sacaram o abono, após o prazo final de 30 de junho. Tenho certeza que vamos alcançar uma boa fatia desses um milhão de trabalhadores que ainda não sacaram com a ampliação do prazo para o final do ano”, disse, em nota o ministro Ronaldo Nogueira.
Passado o prazo, os benefícios que não forem sacados voltarão para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e não estarão mais disponíveis para retirada nas agências bancárias.
Para ter direito ao abono salarial de 2015, o trabalhador precisa:
- estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
- ter recebido remuneração mensal média de até 2 salários mínimos em 2014;
- ter exercido trabalho remunerado por pelo menos 30 dias em 2014;
- ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais

Abono de 2016
O abono salarial 2016, referente ao ano-base de 2015, começou a ser pago em 28 de julho, conforme calendário definido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). Os trabalhadores recebem os valores até 30 de junho de 2017. Veja aqui o cronograma.

A estimativa do Ministério do Trabalho é que sejam repassados R$ 14,8 bilhões a a 22,3 milhões de trabalhadores que têm direito ao abono.

Como sacar o PIS/Pasep
- Antes de sacar o PIS, o trabalhador deverá verificar se o benefício não foi depositado diretamente na conta. Caso contrário, deve comparecer com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada nos terminais de autoatendimento da Caixa ou em uma Casa Lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, o beneficiado pode receber o abono em qualquer agência da Caixa mediante apresentação de um documento de identificação.

- Já os participantes do Pasep (Banco do Brasil), após verificar se houve depósito na conta, devem procurar uma agência e apresentar um documento de identificação.
- As informações sobre o direito ao saque também podem ser obtidas pela Central de Atendimento Alô Trabalho – 158; pelo 0800-7260207, da Caixa; e pelo 0800-7290001, do Banco do Brasil.
O valor equivale a um salário mínimo vigente na data de pagamento, atualmente em R$ 880. Os recursos que não forem sacados retornam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).
Mais informações

A Central de Atendimento Alô Trabalho do Ministério do Trabalho, que atende pelo número 158, tem informações sobre o PIS/Pasep. Para o caso do PIS, o telefone de contato da Caixa Econômica Federal é 0800-726 02 07 e, para o Pasep, o número de telefone do Banco do Brasil é 0800-729 00 01.

Matéria extraída de: http://g1.globo.com/economia/noticia/2016/08/governo-amplia-prazo-de-saque-do-abono-salarial-para-31-de-dezembro.html

segunda-feira, 11 de julho de 2016


O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais de União dos Palmares - SINTPMUP está oferecendo a seus filiados, orientação jurídica nas áreas trabalhista e tributária, assim como consultoria em rotinas trabalhistas.

Todas as segundas-feiras, das 08h às 12h, na sede do SINTPMUP, que está localizada a Travessa Dr. Antonio Arecipo, nº 17, Centro, União dos Palmares-AL.

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE RETORNA O PAGAMENTO DO 1/3 DE FÉRIAS

A Diretoria do SINTPMUP comunica aos servidores da Secretaria Municipal de Saúde, que após a reunião realizada na última quarta-feira (06/07/2016), entre a Comissão do Sindicato e Servidores (Cleide, Euclides, Manoel, Erica, Eliane, Ivanilson) e a representante da Secretária de Saúde, Sra. Renata Baia; o pagamento do 1/3 de férias volta a ser realizado a partir deste mês.

Esperamos que não haja mais suspensão do pagamento do 1/3 de férias, que é direito de todo servidor no mês em que entra de férias.


Não vamos abrir mão dos nossos direitos. 

A Diretoria

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Governo define calendário de pagamento do PIS/Pasep 2016/2017

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) definiu nesta quarta-feira o calendário de pagamento do Abono Salarial, ano-base 2015. A estimativa é que 22,3 milhões de trabalhadores tenham direito ao benefício, que começa a ser pago a partir de 28 de julho, seguindo as novas regras definidas pela Medida Provisória 665.
Pelas novas regras, o valor do benefício estará associado ao número de meses trabalhados no exercício anterior. Assim, quem trabalhou um mês no ano-base 2015 receberá 1/12 do salário mínimo, e não 100% como determina a regra vigente até junho de 2016.
Tem direito ao Abono Salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais, com carteira assinada, e exerceu atividade remunerada durante pelo menos 30 dias em 2015. Para sacar o benefício, o trabalhador deve estar cadastrado no Programa de Integração Social (PIS), ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), há pelo menos cinco anos.

Cronograma de pagamento do PIS nas agências da Caixa:


Nascidos em                         
Recebem a partir de                  
Recebem até
Julho
28/07/2016
30/06/2017
Agosto
18/08/2016
30/06/2017
Setembro
15/09/2016
30/06/2017
Outubro
14/10/2016
30/06/2017
Novembro
21/11/2016
30/06/2017
Dezembro
15/12/2016
30/06/2017
Janeiro e Fevereiro
19/01/2017
30/06/2017
Março e Abril
16/02/2017
30/06/2017
Maio e Junho
16/03/2017
30/06/2017

Crédito em conta para correntistas da Caixa:


Nascidos em              
Crédito em
Julho
26/07/2016
Agosto
16/08/2016
Setembro
13/09/2016
Outubro
11/10/2016
Novembro
17/11/2016
Dezembro
13/12/2016
Janeiro e fevereiro
17/01/2017
Março e abril
14/02/2017
Maio e junho
14/03/2017

Cronograma de pagamento do PASEP nas agências do Banco do Brasil:


Final da inscrição                       
Recebem a partir de                                        
Recebem até
0
28/07/2016
30/06/2017
1
18/08/2016
30/06/2017
2
15/09/2016
30/06/2017
3
14/10/2016
30/06/2017
4
21/11/2016
30/06/2017
5
19/01/2017
30/06/2017
6 e 7
16/02/2017
30/06/2017
8 e 9
16/03/2017
30/06/2017


Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/economia/governo-define-calendario-de-pagamento-do-pispasep-20162017-19610378.html#ixzz4D5cCXXlI

terça-feira, 28 de junho de 2016

Prazo para trabalhador sacar R$ 880 de abono salarial acaba na quinta-feira

Do UOL, em São Paulo
Esta é a última semana para trabalhadores sacarem os R$ 880 de abono do PIS/Pasep de 2015. O prazo termina na quinta-feira (30).
O abono do PIS/Pasep é um benefício pago a trabalhadores que receberam, em média, até dois salários mínimos por mês em 2014. O valor a receber é de um salário mínimo.  "O abono salarial é um 14º salário direcionado ao trabalhador de baixa renda", afirma o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira.
Para ter o direito, é preciso estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter trabalhado por pelo menos 30 dias em 2014. Além disso, o patrão tem que ter informado os dados do trabalhade na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), do Ministério do Trabalho.
De acordo com o Ministério do Trabalho, 23,6 milhões de trabalhadores têm direito a receber o abono. Segundo levantamento divulgado na semana passada, pelo menos 1,6 milhão de pessoas ainda não pegaram o dinheiro a que têm direito. Até aquele momento, 22 milhões de pessoas já tinham sacado seu dinheiro.
O valor sacado somava R$ 18,3 bilhões, segundo o Ministério. Os valores que não são sacados até o final do prazo voltam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).
O PIS (Programa de Integração Social) é para trabalhadores de empresas privadas e deve ser sacado na Caixa, enquanto o Pasep (Patrimônio do Servidor Público) é para servidores públicos, e deve ser sacado no Banco do Brasil.

Como sacar o PIS/Pasep

  • Antes de sacar o PIS, o trabalhador deverá verificar se o benefício não foi depositado diretamente na conta. Caso contrário, deve comparecer com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada nos caixas eletrônicos da Caixa ou em uma casa lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, o trabalhador pode receber o abono em qualquer agência da Caixa, apresentando um documento de identificação. 
  • Os participantes do Pasep (Banco do Brasil), após verificar se houve depósito na conta, devem procurar uma agência e apresentar um documento de identificação.
  • As informações sobre o direito ao saque também podem ser obtidas pela Central de Atendimento Alô Trabalho – 158; pelo 0800-7260207, da Caixa; e pelo 0800-7290001, do Banco do Brasil. 
Matéria extraída de : http://economia.uol.com.br/empregos-e-carreiras/noticias/redacao/2016/06/27/prazo-para-trabalhador-sacar-r-880-de-abono-salarial-acaba-na-quinta-feira.htm

sexta-feira, 10 de junho de 2016

SINTPMUP MOBILIZA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE E AGENTES DE CONTROLE DAS ENDEMIAS - REVOGAÇÃO DAS PORTARIAS 958 E 959 JÁ !



Hoje quinta-feira 09/06/2016, em todo País aconteceu Mobilizações dos Agentes Comunitários e Agentes de Endemias contra as portarias. 

O Sintpmup não poderia deixar de apoiar e participar desta mobilização que aconteceu em nível nacional, um momento de suma importância para mostra ao Governo Federal a insatisfação dos companheiros/as e defender as profissões desses profissionais da Saúde acima mencionados , que querem acabar a qualquer custo.



Mais as categorias não aceitam e mobilizaram o País inteiro contra essas Famigeraveis portarias 958 e 959 que tramitam no Congresso Nacional .

Participaram deste ato os Diretores do Sintpmup Mário Jorge ,Eliane, Euclides Ávila, Jelva e os Agentes Comunitários de Saúde e os Agentes de Controles das Endemias do Município de União dos Palmares /Al.



Para a Diretora do Sintpmup Jelva(Representante dos Agentes Comunitários), não foi fácil a regulamentação da profissão de Agente Comunitário,foi conquistada com muita lutas e essas portarias vem tira todos os nossos diretos conquistados; queremos a Revogação das portarias 958 e 959 .





 

Já para o Diretor Euclides Ávila, essas portaria devem ser revogadas porque é um desacato e desrespeito conta os companheiros/as Agentes Comunitários e Agentes de Endemias que lutaram muito para conquistarem seus direitos,  sem esses profissionais não temos saúde pública, e os PSF não funciona sem os Agentes de Saúde.









TITA do SINDICATO, que está afastado de sua função de diretor do Sintpmup, falou da importância dessas mobilizações que está acontecendo em todo país e aqui em União, vocês estão de parabéns, essas portarias é um afronta as conquistas que essa categoria conseguiu.



   
      REVOGAÇÃO DAS PORTARIAS 958 E 959 JÁ !
 

Agentes Comunitários de Saúde e Agente de Controle das Endemias do Município de União dos Palmares/AL  .
















































Unidos Somos Mais Fortes  !

A Diretoria.